Biblioteca Pública Municipal Avertano Rocha apresenta a exposição “Nada se Perde”

Biblioteca Pública Municipal Avertano Rocha apresenta a exposição “Nada se Perde”

No caminho para reabertura, a Biblioteca Pública Municipal Avertano Rocha (BPMAR) abriu para a visitação pública a exposição “Nada se Perde” organizada pelo artista plástico Guilherme Teixeira, em parceria com a Fundação Cultural do Município de Belém (Fumbel).

A mostra integra o “Projeto De Portas e Pautas Abertas” da Biblioteca Municipal e traz luminárias produzidas a partir de interferências e composições com objetos e peças adquiridas em oficinas de ferro velho.

“O Projeto De Portas e Pautas Abertas permite que grupos, produtores culturais e artistas locais possam expor seus trabalhos ao mesmo tempo em que possibilita o acesso gratuito aos bens culturais pelo público, respeitando as limitações do prédio tombado e também do momento de pandemia que vivemos” explica a diretora da Biblioteca, Gorete Figueiredo.

O trabalho de Guilherme Teixeira (Gette), artista paraense com formação em Designer de Interiores, conecta criação artística e responsabilidade socioambiental e já participou de várias mostras e exposições coletivas. Atualmente confecciona e expõe suas peças em seu atelier, no Distrito de Icoaraci, onde estão reunidas mais de 2.500 peças do acervo visual do artista.

A exposição “Nada se Perde” mostra objetos, mobiliários e luminárias criadas pelo artista a partir do reaproveitamento e ressignificação de material descartado na natureza ou em antiquários, brechós e sucatas, demonstrando que a inventividade pode dar um novo ciclo de vida a tudo que já foi produzido, de modo a assegurar um design ambientalmente sustentável e criar possibilidade de geração de renda para milhares de pessoas.

“A exposição vislumbra o reaproveitamento de materiais, dando novas formas, com objetos e peças que adquiri muitas vezes em oficinas de ferro velho e que se transformam. A natureza é o nosso almoxarifado, logo a ideia é reaproveitar, para não esgotar”, comenta Guilherme Teixeira.

Na exposição o artista deu ênfase à exibição de luminárias como forma de dar luz ao problema ambiental do descarte dos produtos produzidos pela indústria e que cada vez mais possuem uma vida útil menor. Isso ressalta que determinados bens culturais precisam ser preservados por serem partes fundamentais para a compreensão da história e registro importante da memória cultural do povo.

Serviço
Exposição “Nada se Perde”
De 30/08 a 20/09 – Segunda a sexta-feira, das 9h às 14h.
Biblioteca Pública Municipal Avertano Rocha – Rua Siqueira Mendes com Avenida São Roque, S/N, Cruzeiro-Icoaraci.

Compartilhe esta notícia:
Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on linkedin
LinkedIn
Share on email
Email
Notícias relacionadas: